Um ano da tragédia de Brumadinho: Bombeiro de Videira relembra o desafio de trabalhar em um dos maiores desastres ambientais da história do Brasil

O Bombeiro Giandro Rissi viajou mais de 1200 quilômetros, saindo de Videira em direção a Brumadinho, para fazer parte da equipe de resgate de pessoas que trabalharam na tragédia. Um ano depois, Giandro lembra que não foi fácil a rotina em busca dos desaparecidos em meio a lama

Em 25 de janeiro completou um ano do rompimento da barragem em Brumadinho, com a morte de 270 pessoas. O rompimento da Barragem no município de Minas Gerais marcou um dos maiores acidentes de mineração do mundo. O desastre ambiental marcou a vida das famílias que foram vítimas e abalou o Brasil inteiro que se solidarizou com a situação. Algumas pessoas, muito além de demonstrarem solidariedade, ainda fizeram mais. É o caso do Bombeiro Militar Giandro Rissi, que viajou mais de 1200 quilômetros, saindo de Videira em direção a Brumadinho, para fazer parte da equipe de resgate de pessoas que trabalharam na tragédia.

Um ano depois, Giandro lembra que não foi fácil a rotina em busca dos desaparecidos em meio a lama. Ouça na reportagem de Andrielli Zambonin:

Fonte: Jornalismo Rádio Caçanjurê
Foto: Divulgação
Comentários
Carregando...