Rapaz de 21 anos é morto com tiro nas costelas, na Vila Santa Terezinha

O autor do disparo é um homem alto, magro e com traços indígenas. Ele fugiu do local e ainda não foi encontrado

Um homicídio aconteceu na manhã deste domingo, 24, por volta das 8h10 da manhã, na rua Andorinha, Vila Santa Terezinha, no bairro Martello. A vítima foi Rafael Dias, de 21 anos, que foi atingido com um disparo de arma de fogo na região das costelas, lateral direita do abdômen.

De acordo com informações, um homem em um Fiat Uno verde, duas portas, com o capô preto parou em frente à residência do rapaz. Rafael estava sentado na porta. O homem sacou um revólver e efetuou três disparos. Um deles, acertou Rafael, que correu para dentro de casa, mas faleceu antes mesmo de ser atendido pelos Bombeiros Voluntários de Caçador.

A Polícia Militar e a Policia Civil estiveram no local coletando provas e informações. Lá, eles encontraram o irmão de Rafael, que disse que estava indo ao mercado quando foi surpreendido pelo homem, que atirou em sua direção, mas não o acertou. Ao voltar para casa, encontrou o irmão caído no chão, baleado.

Na casa, foi encontrada uma perfuração de projétil, que atravessou a geladeira e perfurou uma panela de pressão que estava dentro, parando na cama que fica atrás do eletrodoméstico. O IGP e IML recolheram o corpo para realização de exame de balística.

Após o crime, o autor dos disparos fugiu do local, pela Av. Felipe Albino Potrich, sentido Mutirão e ainda não foi encontrado.

O irmão da vítima afirma que ele é um homem alto, magro, moreno, com cabelos compridos e traços indígenas. A polícia pede para que se algum cidadão reconhecer alguém com estas características, que denuncie. Ainda não há informações sobre os possíveis motivos do homicídio.

 

Fonte: Rádio Caçanjurê
Foto: Portal CDR