Lixo flutuante preso na ecobarreira é retirado do Rio do Peixe

A Ecobarreira foi instalada no dia 30 de novembro, por acadêmicos da UNIARP, participantes do Programa de Educação Superior para o Desenvolvimento Regional (PROESDE)

Foi realizada nesta quinta-feira, 19, a retirada do lixo preso na ecobarreira instalada no Rio do Peixe em Caçador, no trecho entre a ponte da Rodoviária e a Ponte do Amor.

A ação teve apoio da Prefeitura de Caçador, por meio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente e dos Bombeiros Voluntários.

Ação teve apoio da Prefeitura de Caçador e dos Bombeiros VoluntáriosEntulhos, garrafas plásticas, latas, calçados e outros materiais foram recolhidos. “Não imaginava que teríamos uma diversidade tão grande de resíduos que ficariam parados na nossa ecobarreira. Geralmente vemos muitas garrafas pet flutuando, mas tivemos outros materiais como calçados, madeira então é surpreendente”, afirmou a professora Angela Paviani.

A Ecobarreira foi instalada dia 30 de novembro, por acadêmicos da UNIARP, participantes do Programa de Educação Superior para o Desenvolvimento Regional (PROESDE).

Ecobarreira foi instalada por acadêmicos da UNIARP, participantes do Programa de Educação Superior para o Desenvolvimento Regional (PROESDE)Além de segurar o lixo flutuante, a ecobarreira também promove a educação ambiental.

Fonte: Ass. Imp. UNIARP
Foto: Ass. Imp. UNIARP