Divisão de Investigação Criminal (DIC) cumpre mandados de prisão de suspeitos de homicídio em Caçador

A Divisão de Investigação Criminal(DIC) de Caçador deflagrou na manhã desta sexta feira (22) uma operação para o cumprimento de 7 mandados de busca e apreensão e dois de prisão.

A ação decorreu de investigação que apurou homicídio ocorrido em 18 de março de 2020, onde a vítima foi encontrada às margens do Rio do Peixe com 38 golpes de arma branca. Também foi apurado que a motivação se deu por rivalidade entre organizações criminosas que atuam no estado.

Os mandados de prisão preventiva foram expedidos pelo juízo criminal da comarca de Caçador pelos crimes de homicídio e integrar organização criminosa. Apenas uma das prisões foram cumpridas e a outra segue em aberto.

Seguindo com as diligências foi possível localizar um terceiro investigado, que apesar de não ter o mandado deferido no objeto da investigação, acabou sendo preso em função de outro mandado de prisão, expedido pela justiça de Concórdia em razão de homicídio ocorrido naquela comarca. A DIC de Caçador segue nas investigações.

A ação contou com 25 policiais, tendo o apoio da Polícia Militar de Caçador, cuja contribuição foi decisiva na localização de um dos indivíduos presos.

Também nesta sexta feira,(22), em razão de outro inquérito que apura a atuação de organização criminosa, foi apreendido um adolescente apontado como integrante da facção com maior atuação no estado. As ações ocorreram nos bairros Martello, Paraíso, Centro, Nossa Senhora Salete, Gioppo, Vila Santa Catarina e Rancho Fundo.

Fonte: Jornalismo Rádio Caçanjurê
Foto: Jornalismo Rádio Caçanjurê