Castelhano será a primeira escola em tempo integral de Caçador

A partir desta quinta-feira, 6 de fevereiro, o educandário acolherá 160 alunos, na sua maioria do interior, das 6h45 até às 18h, com diversas atividades e matérias do currículo obrigatório tanto de manhã quanto de tarde

A escola do Castelhano será a primeira em tempo integral de Caçador. A partir desta quinta-feira, 6 de fevereiro, o educandário acolherá 160 alunos, na sua maioria do interior, das 6h45 até às 18h, com diversas atividades e matérias do currículo obrigatório tanto de manhã quanto de tarde.

“Não se trata de contraturno, é uma escola em tempo integral mesmo, uma inovação e um modelo diferenciado. Temos a certeza de que este projeto já deu certo”, destacou a secretária de Educação, Josete Estrowispy.

O trabalho para conquistar esta escola em tempo integral foi intenso por parte da Prefeitura. “Agradeço ao empresário José Adami Neto e à empresa Adami, que nos disponibilizou recursos financeiros para podermos duplicar o tamanho da escola. Agradecemos também ao deputado Valdir Cobalchini, que destinou verbas para que possamos fechar as paredes da quadra da escola”, completou Josete.

Além disso, a secretária enfatizou ainda que toda a equipe que irá atuar na escola é de pessoas bastante qualificadas e habilitadas para trabalhar com os alunos.

“Inclusive, dobramos o número de professores e, logo, os investimentos, que incluem ainda a alimentação para as crianças, sendo 5 refeições por dia. Tudo isso é pensando no bem-estar e no desenvolvimento educacional de cada uma delas”, destacou Josete.

A secretária finalizou lembrando que a Educação é prioridade para a atual administração. “Sempre foi um pedido do prefeito Saulo Sperotto para que cuidássemos com muito carinho da educação e estamos trabalhando muito para dar a melhor qualidade de vida para as nossas crianças”, finalizou.

 

Educação infantil

Em três anos, a Prefeitura de Caçador conseguiu zerar o déficit de vagas na Educação Infantil. Neste período, foram criadas 1 mil novas vagas, para crianças de 0 a 5 anos. Atualmente, estão disponíveis 250 vagas, para 115 crianças nas filas de espera.

“Para se ter uma ideia, quando assumimos, em 2017, havia uma demanda reprimida de pelo menos 800 crianças na lista e hoje encontra-se zerada, com vagas sobrando, inclusive. Finalizamos o ano de 2019 atendendo 3289 crianças, nas 17 escolas e nos centros de educação infantil, um marco na Educação de Caçador”, comemorou a secretária Josete Estrowispy.

Esta conquista foi possível graças à abertura de três novas creches: No Alto Bonito (que já foi ampliada), no Nossa Senhora Salete e no Marcos Olsen, bem como, com a construção de novas salas de aula nas escolas Vereda dos Trevos, Ulysses Guimarães e Maria Luiza Barbosa.

“Para o ano de 2020, estão previstas ainda 395 novas vagas na rede, com vagas para crianças de 0 a 5 anos. Ressaltamos que pode acontecer de estas vagas não estarem disponíveis em creches ao lado das residências dos pais, mas que estão sendo oferecidas nos locais mais próximos o possível”, completou a secretária.

Fonte: Assessoria de Comunicação
Foto: Assessoria de Comunicação
Comentários
Carregando...