Cão abandonado invade viatura e é adotado por policial em Rio das Antas

Agentes faziam uma operação de fiscalização de velocidade quando foram surpreendidos pelo cachorrinho, que chorava desesperado

Uma situação inusitada chamou a atenção de policiais militares rodoviários na tarde de domingo (21), em Rio das Antas, no Oeste catarinense. Um cãozinho abandonado pulou dentro da viatura e acabou adotado por um policial.

Os agentes faziam uma operação de fiscalização de velocidade na SC-135 quando foram surpreendidos pelo cachorrinho. Conforme a PMRv (Polícia Militar Rodoviária), o animal chorava muito e aparentava ter sido abandonado às margens da rodovia.

Dois policiais, os soldados Borges e Mateus, tentaram tirá-lo de dentro da viatura, mas o cão chorava desesperado, como se temesse ser abandonado de novo.

Comovidos com a situação, os policiais levaram o cachorrinho ao posto da PMRv, onde o cabo Maurício, comovido com a situação, decidiu adotá-lo. O cão agora faz parte da família do cabo, para a felicidade dos filhos.

CÃOZINHO ABANDONADO INVADE VIATURA DA PMRv E É ADOTADO POR POLICIAL MILITAR RODOVIÁRIO

CÃOZINHO ABANDONADO INVADE VIATURA DA PMRv E É ADOTADO POR POLICIAL MILITAR RODOVIÁRIO (foto nos comentários)Na tarde de ontem (21), policiais militares rodoviários faziam uma operação de fiscalização de velocidade na rodovia SC-135, no município de Rio das Antas, quando foram surpreendidos por um cachorrinho que pulou dentro da viatura. Ele chorava muito e aparentava ter sido abandonado às margens da rodovia. Os dois policiais, soldados Borges e Mateus, tentaram tirá-lo de dentro da viatura, mas ele chorava desesperado, como se fosse ser abandonado de novo. O vídeo mostra o choro do animal e a angústia querer permanecer dentro do veículo.Os policiais militares rodoviários, comovidos com a situação, levaram o cachorrinho ao posto policial e lá o cabo Maurício, comovido com a situação, decidiu adotá-lo, o que fez a felicidade de seus filhos.

Posted by Polícia Militar Rodoviária de Santa Catarina on Monday, June 22, 2020

Fonte: Rádio Caçanjurê/ Polícia Militar
Foto: Polícia Militar