Avaí Kindermann agradece recursos repassados pela CBF

Os recursos disponibilizados aos clubes, representam um “respiro” para muitos clubes, como é o caso do Avaí Kindermann

Com os campeonatos de futebol paralisados, os clubes já projetam prejuízos e, inclusive, sentem ameaça na continuidade das atividades. Para tentar sanar o problema, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou um aporte de R$ 19 milhões. Apenas os 52 clubes de futebol feminino, receberão R$ 4 milhões – R$ 120 mil para cada clube da Série A1 e R$ 50 mil para cada time da Série A2. 

Todos os valores foram decididos levando em consideração a média da folha salarial de dois meses em cada divisão do futebol. Os recursos disponibilizados aos clubes, representam um “respiro” para muitos clubes, como é o caso do Avaí Kindermann. Para externar o agradecimento a CBF pelo apoio, a Associação Esportiva Kindermann divulgou uma nota de agradecimento.

O presidente da equipe, Salézio Kindermann, explica a importância do Apoio da Confederação neste momento delicado para todo o mundo.

“O momento em que estamos vivendo é muito delicado. Neste momento a prioridade minha e de todo o clube é a saúde do time, de seus familiares e de todos que lutam contra o coronavírus. É um momento triste pois além da nossa saúde em risco, também estamos sem poder fazer o que amamos, que é competir, jogar futebol. Manter um time hoje não é fácil. Precisamos dia a dia mover peças para manter salários, custear despesas e certamente esses recursos da CBF vem para ajudar a manter pagas as despesas do clube”, ressaltou Salézio Kindermann.

Confira a nota na íntegra

A Associação Esportiva Kindermann/Avaí F.C. através de seu presidente Salézio Kindermann, vem por meio deste agradecer a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pela atenção a seus clubes filiados e a sensibilização diante da situação da pandemia causada pelo Coronavírus (Covid-19), também pelo fundo de ajuda financeira neste momento tão difícil.

Agradecemos ao Presidente da CBF, Rogério Caboclo, por toda a atenção e dedicação com o Futebol Feminino, não medindo esforços para que a modalidade cresça cada vez mais, e com a aproximação junto aos clubes confiada ao Sr. Romeu Castro que vem desempenhando um papel de destaque e se empenhando ao máximo para que possamos ter futebol feminino forte e que possamos nos orgulhar de fazermos parte  desta família.

Não obstante agradecer também o diretor da CBF, Manoel Flores, e o Secretário Geral da entidade, Walter Feldman. Esperamos que esse momento difícil logo passe, para que tenhamos grandes espetáculos nos gramados deste Brasil que tanto amamos.

Fonte: Ascom. Kindermann / Andrielli Zambonin
Foto: Ascom. Kindermann / Andrielli Zambonin